Logo dlztv oficial

INFLUENCIADORA PRESA ENTREGA CÚMPLICES

Karina Laino Gomes, uma influenciadora digital de 27 anos com mais de 63 mil seguidores no TikTok, foi presa em flagrante na última quarta-feira (07/06) por porte ilegal de arma de fogo, juntamente com seu cúmplice, Edimilson Souza da Silva.

A polícia já estava monitorando o casal desde maio e, na semana passada. Os agentes receberam um alerta da equipe de segurança da agência sobre um veículo suspeito. Ao chegarem ao local, flagraram Karina tentando fugir enquanto dirigia o carro. Durante a revista do veículo, uma pistola Taurus calibre 38 com a numeração raspada foi apreendida.

Durante a audiência de custódia realizada na sexta-feira, as prisões em flagrante foram convertidas em prisões preventivas. O juiz responsável destacou que há evidências sólidas de que o casal faz parte de um grupo criminoso perigoso, especializado em roubo a agências bancárias e que utilizam armas de fogo.

Karina admitiu à polícia que participou de outros dois roubos e identificou mais quatro pessoas que, segundo ela, também fariam parte da quadrilha. Entre os suspeitos, apontados por ela, está outra mulher.

A investigação policial revelou que as mulheres suspeitas, incluindo Karina, desempenham o papel de motoristas do grupo. Sua presença no local do crime tem o objetivo de distrair a atenção dos seguranças, evitando levantar suspeitas. Enquanto a motorista aguarda no veículo em frente à agência, o cúmplice aborda as vítimas nos caixas eletrônicos.

As próximas etapas da investigação incluem a verificação das informações fornecidas pela influenciadora e seu comparsa, o reconhecimento das vítimas e a análise das imagens das câmeras de segurança para identificar outros membros do grupo.

Além dos roubos relatados em Realengo, o veículo utilizado pelo casal também está relacionado a outros dois roubos reportados por seguranças da agência bancária. A quadrilha também é suspeita de cometer roubos a clientes de uma agência em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

A advogada responsável pela defesa de Karina já entrou com um pedido de habeas corpus para que ela possa responder ao processo em liberdade, questionando a falta de acompanhamento legal durante o depoimento na delegacia. A investigação continua em andamento para esclarecer todos os detalhes e envolvidos nos crimes.

Fonte: Nova Iguaçu 24 h

Saque seu FGTS juliana Ribeiro
Mais Notícias

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *