Logo dlztv oficial

PENSAMENTOS SUICIDAS, SUAS CAUSAS ,SINAIS DE ALERTA E COMO AJUDAR ALGUÉM QUE POSSA ESTAR ENFRENTANDO ESSE DESAFIO

Por : Cidinha Pascoaloto-Psicóloga-CRP 06/158174. Presencial e online, contato: (18) 99725-6418

Os pensamentos suicidas podem afetar qualquer pessoa, independentemente de idade, gênero, raça ou classe social.  É importante que nós como sociedade, estejamos dispostos a entender, apoiar e auxiliar aqueles que estão passando por essas experiências angustiantes.

Pensamentos suicidas referem-se à presença persistente de ideias, planos ou desejos de causar dano a si mesmo ou de tirar a própria vida.

 É importante entender que ter pensamentos suicidas não significa necessariamente que alguém está determinado a cometer suicídio, mas são um sinal de que essa pessoa está enfrentando um sofrimento emocional e uma dor intensa. Os pensamentos suicidas podem ter uma série de causas.

Alguns dos principais fatores contêm problemas de saúde mental como depressão, transtorno bipolar, transtorno de ansiedade, entre outros. As experiencias traumáticas como abuso, perda de entes queridos, divórcio ou problemas financeiros, falta de suporte social, abuso de substâncias também podem desencadear pensamentos suicidas.

 As predisposições genéticas e biológicas e desiquilíbrios químicos como a serotonina, dopamina e norepinefrina, substâncias que realizam conexões entre os neurônios, também ajudam a aumentar o risco de pensamentos suicidas.

 Vamos falar sobre alguns sinais de alerta que os pacientes revelam. Esses sinais podem ser vontade de morrer, desejo de se machucar ou de se isolar, mudanças no estado do humor, doar pertences pessoais dizer que a vida não tem mais sentido. O que fazer? Ouça sem julgamentos, esteja presente, seja empático e encoraje a procurar um profissional da saúde mental a terapia e a medicação podem ser cruciais no tratamento do transtorno.

Mantenha contato regular com a pessoa, demonstrando preocupação pelo seu bem-estar.

 Se você acredita que a pessoa está correndo risco de vida entre em contato com um profissional de saúde mental ou um serviço de prevenção ao suicídio.

Pensamentos suicidas são uma situação de extrema vulnerabilidade emocional, e é essencial abordá-los com compaixão.

Saque seu FGTS juliana Ribeiro
Mais Notícias

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *